Palmeiras 1 x 1 Ponte Preta – 29/01/2017

32474877701_02993e8428_o
Foto: Cesar Greco

O placar não foi do agrado do torcedor e a apresentação do 2º tempo também deixou a desejar. Foi justamente nesse momento do jogo que tomamos o empate, quase no final, mesmo com um jogador a mais.

Diferentemente do ano passado, o elenco mostrou um bom entrosamento e criaram boas jogadas, considerando as várias caras novas no time.

A estratégia de Eduardo Baptista de treinar com bola já no segundo dia de pré-temporada funcionou e já se notam os resultados.

Vamos lá Verdão. Rumo a uma temporada promissora e recheada de títulos.

Jogo amistoso preparatório para o início do Paulistão 2017.

Gols, melhores momentos, jogo completo.

FICHA TÉCNICA

Data: 29/01/2017, domingo
Local: Allianz Parque, São Paulo-SP
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Assistentes: Rogério Zanardo (SP) e Alex Ribeiro (SP)
Público: 15.878
Renda: R$ 795.982,50
Cartões amarelos: Vitinho (Palmeiras); William Potker, Wendel, João Vitor, Matheus Jesus e Jadson (Ponte Preta)
Cartão vermelho: João Vitor (Ponte Preta)
Gols: Palmeiras: Lucas Barrios, aos 28 minutos do segundo tempo
Ponte Preta: Ramon, aos 44 minutos do segundo tempo

Palmeiras: Fernando Prass (Jailson); Jean (Fabiano), Edu Dracena (Thiago Martins), Vitor Hugo e Zé Roberto (Egídio); Felipe Melo (Michel Bastos), Róger Guedes (Erik), Tchê Tchê (Thiago Santos), Raphael Veiga (Vitinho) e Dudu (Rafael Marques); Willian (Lucas Barrios)
Técnico: Eduardo Baptista

Ponte Preta: Aranha; Nino Paraíba (Emerson), Kadu (Marllon), Fábio Ferreira (Reynaldo) e Jeferson (Fábio Braga); João Vitor, Wendel (Ravanelli) (Erick Salles) e Matheus Jesus (Jadson); Clayson (Naldo), Lucca (Lins) e William Potker (Ramon)
Técnico: Felipe Moreira

Retrospecto entre Palmeiras e Ponte indica Verdão com o dobro de vitórias

Felipe Krüger
Departamento de Comunicação
28/01/2017 – 16:00h


O Palmeiras volta a campo neste domingo (29) para disputar o segundo amistoso da temporada 2017, no Allianz Parque, às 17h, diante da Ponte Preta. Será o último teste do Verdão antes de estrear no Campeonato Paulista – a primeira partida do clube na competição estadual acontecerá no próximo dia 05, contra o Botafogo-SP, também na arena alviverde.

As duas equipes já se encontraram 123 vezes ao longo de toda história. Curiosamente, o time do Palestra Italia possui exatamente o dobro de vitórias no retrospecto geral do que a equipe de Campinas – são 62 triunfos palmeirenses contra 31 do rival alvinegro, além de 30 empates.

A vantagem verde e branca no histórico de confrontos existe desde os primeiros embates entre os clubes. Nas cinco primeiras partidas da história, entre 1939 e 1949, o Verdão venceu todas, com direito a uma sonora goleada por 5 a 0 justamente no primeiro encontro entre os dois times paulistas – naquela oportunidade, os gols palestrinos foram anotados por Zalli (2), Echevarrieta (2) e Carnera.

No entanto, a maior goleada foi registrada em 1959, quando o Alviverde, no Palestra Italia, venceu a Ponte Preta por 6 a 1, em partida válida pelo Campeonato Paulista daquele ano. Em 2005, desta vez pelo Brasileirão, o Palmeiras voltou a balançar a rede do adversário campineiro seis vezes, mas sofreu dois gols.

A última partida entre os dois clubes aconteceu em agosto de 2016, no Allianz Parque. Pelo Campeonato Brasileiro, que depois seria conquistado pelo Verdão, os times empataram em 2 a 2 – gols de Rafael Marques e Thiago Martins, ambos relacionados para o duelo deste domingo (29).

Pós-Jogo

Fonte: Verdazzo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.