Palmeiras 3 x 2 Paysandu – 17/08/2013

Foto: Evelson de Freitas/Estadão

Em jogo nervoso e na base da raça, o Palmeiras conseguiu superar a vantagem dos visitantes no Pacaembu e, nos acréscimos, virou para 3 a 2 e garantiu importante vitória.

Saímos perdendo e somente conseguimos iniciar a reação aos 27 do segundo tempo.

O resultado levou o Verdão aos 40 pontos, na liderança isolada da Série B, e ao 11º jogo de invencibilidade.

Jogo válido pela 16ª rodada da série B do Brasileirão 2013.

Gols, melhores momentos.

FICHA TÉCNICA

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data: 17/08/2013, sábado
Horário: 16h20 (de Brasília)
Público: 16.936 pagantes
Renda: R$ 565.115,00
Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE)
Assistentes: Luiz Antonio Muniz de Oliveira (RJ) e Edina Alves Batista (PR)
Cartões amarelos: Leandro (Palmeiras); Pablo, Djalma e Marcelo (Paysandu)
Cartões vermelhos: Wesley (Palmeiras); Fábio Sanches (Paysandu)
Gols: Palmeiras: Alan Kardec, aos 27, Mendieta, aos 38, e Leandro, aos 49 minutos do segundo tempo
Paysandu: Pablo, aos 14 minutos do primeiro tempo; Yago Pikachu, aos 20 minutos do segundo tempo

Palmeiras: Fernando Prass; Luis Felipe, Vilson (Tiago Alves), Henrique e Juninho; Márcio Araújo (Ronny), Charles (Felipe Menezes), Wesley e Mendieta; Leandro e Alan Kardec
Técnico: Gilson Kleina

Paysandu: Marcelo; Yago Pikachu, Diego Bispo, Fábio Sanches e Pablo; Vanderson (Esdras), Ricardo Capanema, Eduardo Ramos e Djalma; Iarley (Raúl) e Marcelo Nicácio (Tallys)
Técnico: Arturzinho

Vitória da camisa no Pacaembu!
 Verdão perdia para o Paysandu por 2 a 0 até os 27 minutos do segundo tempo mas reagiu e saiu vencedor com gol nos acréscimos: 3 a 2.
Com todos titulares disponíveis em campo, o Palmeiras iniciou o jogo tentando furar a retranca do Paysandu, que se defendia com 11 atrás da linha da bola. Aos 4 minutos Charles arriscou de longe, nas mãos do goleiro.

Todo recuado, os visitantes apostariam nos contra-ataques, e não demorou para o Verdão oferecer algumas chances. Aos 13 Djalma tocou para Vanderson bater cruzado, para fora. No minuto seguinte, porém, a bola entrou. Marcelo Nicácio enfiou para Pablo tocar na saída de Prass: 1 a 0.

Atrás no marcador, o time do técnico Gilson Kleina passou a demonstrar certo nervosismo, errando passes bobos e cometendo faltas desnecessárias. Mesmo assim, algumas oportunidades foram criadas. Aos 18 minutos Wesley rolou para Juninho bater colocado, à esquerda do goleiro. Aos 23 Luis Felipe cobrou falta e exigiu de Marcelo uma bela defesa.

Aos 25 minutos, em outro contra-ataque, o Paysandu reclamou (com razão) de um pênalti não assinalado de Vilson em Pablo, melhor para o Verdão, que seguiu apenas com um gol de desvantagem. Aos 31 Vilson tentou se redimir fazendo uma boa jogada individual pela esquerda; o zagueiro driblou dois marcadores mas foi bloqueado por Diego Bispo na hora da finalização.

Com o passar do tempo, a irritação do Palmeiras só aumentava, e da torcida presente em bom público ao Pacaembu também. Aos 39 Charles tentou de longe, nas mãos do goleiro. No lance seguinte, após belo passe de Mendieta, Leandro invadiu a área e bateu rasteiro, fácil para Marcelo.

Nos minutos finais da etapa inicial o Verdão criou mais duas oportunidades, a primeira aos 43 com Henrique, num chute que saiu por cima, e a segunda – e mais perigosa com Leandro, aos 46; o atacante recebeu de Mendieta e finalizou em cima do goleiro.

No segundo tempo, com Felipe Menezes no lugar de Charles, o Palmeiras voltou com mais posse de bola, mas insistindo pelo meio, facilitando a vida do Paysandu. Aos 4 minutos, antes de criar qualquer oportunidade, o time ainda perdeu Vilson, lesionado. Tiago Alves entrou em seu lugar.

Precisando do gol, o Verdão só foi criar um lance de perigo aos 10 minutos com Felipe Menezes, mas o chute do camisa 40 saiu torto, sem direção. Dois minutos depois de novo Felipe Menezes apareceu bem, desta vez sendo mais feliz na finalização; a bola passou perto da trave esquerda de Marcelo.

Aos 14 minutos Juninho quase entrou o ouro; o lateral foi driblado pela bola, que sobrou para Djalma finalizar prensado por Henrique. O time de Kleina respondeu aos 16 com Mendieta num chute que Marcelo defendeu em dois tempos. Aos 20 o improvável aconteceu: em mais um contra-ataque, o Paysandu ampliou. Iarley deixou Iago na cara de Prass; o lateral teve categoria e encobriu o camisa 25 Palmeirense: 2 a 0.

Com o placar inesperado, enfim Kleina trocou Márcio Araújo por Ronny, e o time reagiu, pois passou a jogar pelos lados do campo. Aos 26 minutos Alan Karde cruzou para Leandro finalizar de primeira, por cima. Aos 27 o gol saiu. Luis Felipe levantou na cabeça de Alan Kardec, que tocou no contrapé do goleiro: 2 a 1.

O gol inflamou o Palmeiras, mas até demais. Aos 32 minutos Wesley se desentendeu com Fabio e deu início a uma confusão generalizada. Após muitos socos e pontapés, os dois que começaram a briga foram expulsos.

Após 4 minutos de paralização, o jogo recomeçou com o Verdão buscando o empate. Aos 37 Felipe Menezes finalizou com perigo, para fora. No minuto seguinte o gol saiu. Após cruzamento da esquerda, a zaga rebateu nos pés de Mendita, que acertou um belo chute da entrada da área: 2 a 2.

Empurrado pela torcida, o Palmeiras partiu com tudo em busca da virada, mas esbarrava na cera imposta pelo Paysandu com a conivência do árbitro. Aos 49 minutos, porém, ninguém pôde evitar o terceiro gol alviverde. Juninho cobrou falta, Henrique dividiu com o goleiro e a bola sobrou para Leandro: 3 a 2.

Ainda deu tempo para o Payandu tentar o empate em uma cobrança de falta, mas a zaga afastou o perigo e a a incrível vitória foi confirmada. Com o resultado o Palmeiras vai a 40 pontos e segue líder isolado da Série-B.

Agora o Verdão dá um tempo na Série-B pois na quarta-feira (dia 21) enfrenta o Atlético-PR pelas oitavas de final da Copa do Brasil. O jogo será às 19h30, no Pacaembu.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.