Palmeiras 2 x 1 Bragantino – 02/08/2013

valdivia_ae_leopinheiro_15
Valdivia comemora com Leandro o segundo gol do Verdão (Foto: Léo Pinheiro/Agência Estado)

Com a dupla Kardec e Valdívia cada vez mais afinada, veio a vitória e uma boa folga na liderança da competição. Isso tudo aliado a uma exuberante atuação do Mago.

O time é outro com Valdívia em campo. Não há como negar.

Jogo válido pela 12ª rodada da série B do Brasileirão 2013.

Gols, melhores momentos.

FICHA TÉCNICA

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data: 02/08/2013, sexta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Guilherme Ceretta de Lima (SP)
Assistentes: Celso Barbosa de Oliveira (SP) e Daniel Luis Marques (SP)
Cartões amarelos: Luis Felipe, Fernando Prass (Palmeiras); Diego Macedo, Elias, Léo Jaime e Geandro (Bragantino)
Cartões vermelhos: Charles (Palmeiras) e Elias (Bragantino)
Gols: Alan Kardec, aos 41 minutos do primeiro tempo; Valdívia, aos 17 minutos do segundo tempo
Bragantino: Kadu, aos 43 minutos do segundo tempo

Palmeiras: Fernando Prass; Luis Felipe (Eguren), Vilson, Henrique e Juninho; Márcio Araújo, Charles, Wesley e Valdivia (Mendieta); Leandro e Alan Kardec (Vinicius)
Técnico: Gilson Kleina

Bragantino: Leandro Santos; Álvaro, Gláuber (Geandro) e Kadu; Diego Macedo, Elias, Cesinha (Dudu), Gustavo (Geovanni) e Léo Jaime; Tiaguinho e Paulinho
Técnico: Vágner Benazzi

Valdivia brilha e Verdão vence mais uma
Com outra excelente atuação de seu camisa 10, Palmeiras faz 2 a 1 no Bragantino, vai a 28 pontos e segue líder da Série-B. Alan Kardec e Valdivia fizeram golaços.
Com Alan Kardec no lugar de Vinícius, o Verdão iniciou o jogo com mais posse de bola, mas encontrando certa dificuldade para fugir da forte marcação imposta pelo Bragantino.
A primeira investida que deu certo foi apenas aos 10 minutos com Wesley, num chute rasteiro que o goleiro defendeu. Aos 13 Leandro roubou a bola no meio-campo, arrancou e da entrada da área finalizou à direita de Leandro Santos. O goleiro rival só foi trabalhar efetivamente aos 17 minutos, depois de uma bomba de Luis Felipe.A essa altura da partida o Palmeiras já conseguia articular jogadas com mais facilidade. Aos 19 minutos a principal chance de gol: após sobra dentro da área, Leandro fintou seu marcador mas bateu no meio do gol, facilitando a vida de Leandro Santos.

O Bragantino tinha em Diego Macedo sua principal arma, ora pela lateral-direita ora com bolas paradas. Aos 23 minutos, com a segunda alternativa, os visitantes enfim assustaram a meta de Fernando Prass; o lateral cobrou falta e viu a bola passar perto do travessão. No minuto seguinte outra jogada de perigo; Léo Jaime cruzou da esquerda mas nem Cesinha nem Thiaguinho alcançaram.

Após os dois sustos, o time do técnico Gilson Kleina voltou a se impor. Aos 27 minutos Wesley foi à linha de fundo e cruzou; a bola desviou e sobrou para Valdivia, que faria o gol se um zagueiro não o bloqueasse. Aos 33 Luis Felipe cobrou falta, a bola desviou em Glauber e saiu em escanteio.

O gol do Verdão parecia próximo. Aos 37 minutos Luis Felipe voltou a aparecer bem e exigiu de Leandro Santos uma boa defesa. Aos 41, porém, o goleiro nada pôde fazer quando Valdivia puxou um contra-ataque fatal. O camisa 10 carregou a bola e entre Márcio Araújo e Alan Kardec fez a escolha certa passando para o centroavante, que marcou um golaço: 1 a 0.

A frente no placar, o Palmeiras passou a tocar a bola com mais tranquilidade, esperando uma nova brecha do sistema defensivo do Bragantino para aumentar a fatura, o que não aconteceu.

A etapa final começou com um susto para o Verdão. Logo aos 40 segundos Dudu cruzou para Thiaguinho finalizar por cima. Prass apenas olhou, pois não poderia fazer nada.

O Palmeiras respondeu aos 6 minutos com Wesley; o volante soltou a bomba, o goleiro deu rebote mas Valdivia isolou. Aos 9 Álvaro errou passe dentro da área, dando um presentão para Wesley, que devolveu ao finalizar mal, para fora.

Melhor em campo, o Verdão chegou ao segundo gol aos 17 minutos, e foi outro golaço. Charles desarmou Glauber e tocou para Valdivia; o camisa 10 observou a colocação  do goleiro e com categoria o encobriu: 2 a 0.

A vantagem fez o time de Kleina diminuir o ritmo, mas não o suficiente para correr riscos. Aos 20 minutos Valdivia enfiou para Leandro dominar e chutar para boa defesa de Leandro Santos. Aos 24 Elias agrediu Valdivia e foi expulso.

Com um homem a mais, além de diminuir o ritmo o Verdão passou a fazer cera, irritando a torcida e o técnico Gilson Kleina, que da beira do campo cobrava seriedade. Diante dessa postura, o Bragantino cresceu. Aos 26 minutos Dudu bateu colocado mas parou em Fernando Prass. Dois minutos depois Charles e Léo Jaime se desentenderam, mas apenas o Palmeirense foi expulso.

Com 10 contra 10, a partida voltou a ficar aberta. Aos 31 minutos Leandro tabelou com Alan Kardec mas na hora da finalização foi bloqueado por Léo Jaime. No minuto seguinte Kleina trocou Valdivia por Mendieta, e sem seu principal articulador, o Palmeiras quase se complicou.

Aos 34 minutos Diego Macedo tocou para Dudu finalizar com perigo, para cima. Aos 43 o gol saiu. Após levantamento na área, ninguém afastou o perigo e a bola sobrou para Kadu: 2 a 1.

Nos minutos finais o Verdão preferiu administrar a vantagem ao invés de tentar o terceiro gol, o que rendeu alguns momentos de tensão, como um recuo mal feito por Wesley aos 47, consertado por Fernando Prass com um bicão. Mas foi só. Com a vitória o Palmeiras vai a 28 pontos e segue líder isolado da Série-B.

Terça-feira (06/08) o Verdão vai a São Caetano para enfrentar os donos da casa. O jogo, válido pela décima terceira rodada, será às 19h30.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.