Palmeiras 2 x 1 Linense – 30/03/2013

marcelooliveira_palmeiras_linense_rib-3.jpg_95
Jogadores comemoram o gol salvador de Marcelo Oliveira no fim da partida (Foto: Marcos Ribolli)

Depois da derrota arrasadora na rodada passada, recebemos em casa a equipe da Linense. 5.151 desconfiados se fizeram presentes para conferir de perto a atuação.

O mistão em campo, preservando alguns jogadores para o confronto pela Libertadores, deu conta do recado e conseguiu a vitória no apagar das luzes.

Jogo válido pela 16ª rodada do Paulistão 2013.

Gols, melhores momentos.

FICHA TÉCNICA

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data: 30/03/2013, sexta-feira
Horário: 18h30 (de Brasília)
Público: 5.151 pagantes
Renda: R$ 136.940,00
Árbitro: Marcio Henrique de Gois
Assistentes: Eduardo Vequi Marciano e Leonardo Schiavo Pedalini
Cartões amarelos: Leandro, Wendel e Léo Gago (Palmeiras); Gilsinho e Fernandinho (Linense)
Gols: Palmeiras: Leandro, aos 10, e Marcelo Oliveira, aos 45 minutos do segundo tempo
Linense: Gilsinho, aos 15 minutos do segundo tempo

Palmeiras: Bruno; Wendel, Vilson, André Luiz e Marcelo Oliveira; Léo Gago, João Denoni (Souza), Ayrton (Patrick Vieira) e Ronny; Leandro e Caio (Vinicius)
Técnico: Gilson Kleina

Linense: Leandro Santos; Fábio Lima, Álvaro e Leanderson; Bruno Ribeiro, Leandro Brasília, Gilsinho (Jean Cleber), Lenílson e Tarracha; Fernandinho e Fábio Lopes (Dudu)
Técnico: Bruno Quadros

Por Eduardo Luiz, da Redação PTD – 30/03/2013 – 20:32h.
No sufoco, mistão derrota o Linense

Com um mistão, o Palmeiras iniciou o jogo num ritmo cadenciado, talvez para não ser surpreendido novamente. A primeira finalização surgiu aos 6 minutos, e foi num chute sem direção de Ayrton. Aos 7 o Linense já respondeu com Fernandinho, em outra conclusão torta.

Aos 11 minutos Wendel fez boa jogada pela direita e cruzou; a bola atravessou toda área até encontrar Marcelo Oliveira, que isolou. Cinco minutos depois Ayrton cobrou escanteio e Fábio Lopes desviou para fora, assustando o goleiro no que seria um gol contra.

Após um período de pouco futebol, a partida voltou a esquentar aos 28 minutos; Prass deu um bicão, Léo Gago resvalou, a bola sobrou para Ayrton servir Leandro; o atacante invadiu a área, perdeu a passada mas mesmo assim conseguiu concluir, na trave.

A essa altura o Palmeiras já era superior. Aos 31 e aos 34 minutos Caio perdeu dois bons ataques, no melhor deles – o segundo – ele deu um belo drible em seu marcador e finalizou de canhota, para boa defesa do goleiro.

No último lance de perigo da etapa inicial, aos 40 minutos, Léo Gago cobrou falta rasteiro, no canto esquerdo do goleiro, que mandou para escanteio. Pouco depois, debaixo de vaias dos poucos mais de 5 mil Palmeirenses presentes ao Pacaembu, o árbitro encerrou o primeiro tempo.

Na etapa final, com Patrick Vieira no lugar de Ayrton, o Palmeiras melhorou. Aos 2 minutos o meia finalizou e exigiu de Leandro Santos uma boa defesa. Aos 10 ele puxou contra-ataque e serviu Leandro, que com categoria abriu o placar: 1 a 0.

Como alegria de Palmeirense não dura muito, aos 15 o Linense empatou. Tarracha recebeu livre pela direita e cruzou sob-medida para Gilsinho: 1 a 1. O gol abalou o time do técnico Gilson Kleina. Aos 23 Tarracha passou como quis por dois marcadores e finalizou; Bruno espalmou.

Já com Souza e Vinícius em campo (entraram nos lugares de Denoni e Caio), o Verdão esboçou uma reação. Aos 26 Vinícius experimentou da entrada da área, para fora. Aos 29 foi a vez de Leandro arriscar e ver a bola sair à esquerda do goleiro.

Jogando relativamente bem, a equipe de Lins não aceitou o domínio Palmeirense e respondeu aos 32 minutos numa bomba de Dudu que saiu por cima. A principal chance para a virada, porém, ainda estava por vir. Aos 37 André Luiz falhou e a bola sobrou para Dudu finalizar cara a cara com Bruno, que salvou com a perna.

Os dois lances fizeram o Verdão reagir. Aos 39 Vinícius chutou com perigo, para fora. Aos 43 Ronny e Leandro se atrapalharam, na sequência o atacante ainda conseguiu concluir, mas o goleiro estava atento.

Aos 45 minutos, quando o empate parecia o resultado definitivo, Marcelo Oliveira sofreu falta na lateral da área; Souza cobrou e Marcelo resvalou para dar a suada vitória ao Palmeiras. Com o resultado o time vai a 28 pontos e fica mais próximo do G4.

Terça-feira (02/04) o Verdão recebe o Tigre no Pacaembu (às 21h30) precisando da vitória para seguir vivo na Libertadores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.