Guarani 3 x 2 Palmeiras – 22/04/2012

henri
Jogadores deixam o estádio de cabeça baixa (Foto: Gustavo Tilio / Globoesporte.com)

De forma vergonhosa e vexatória mas não surpreendente, fomos eliminados nas quartas de final do Paulistão pelo Guarani.

Os últimos jogos no estadual já vinham dando sinais de que não adiantava esperar muita coisa. Desde a derrota no clássico foram 6 partidas e 3 derrotas. Preocupante.

No primeiro tempo criamos umas chances, mas nada de perigoso.

Na segunda etapa o time de Scolari ficou no vestiário e o Guarani abriu 2 rapidamente. Ainda descontamos mas sem o ímpeto necessário para virar.

A temporada promete.

Jogo único válido pelas quartas de final do Paulistão 2012.

FICHA TÉCNICA

Local: Brinco de Ouro, Campinas (SP)
Data: 22/04/2012, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Renda: R$ 447.400,00
Público: 15.005 pagantes
Árbitro: Vinícius Furlan
Assistentes: Vicente Romano Neto e Gustavo Rodrigues de Oliveira
Assistentes adicionais: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral e Philippe Lombard
Cartões amarelos:   Juninho, Márcio Araújo, Fernandão, Maurício Ramos e João Vitor (Palmeiras); Bruno Recife e Danilo Sacramento (Guarani)
Gols: Guarani: Fumagalli, aos 5, Fabinho, aos 7 e aos 46 minutos do segundo tempo
Palmeiras: Marcos Assunção, aos 8, Henrique, aos 48 minutos do segundo tempo

Guarani: Emerson, Oziel, Domingos, Neto e Bruno Recife; Willian Favoni (Ewerton Páscoa), Fábio Bahia, Danilo Sacramento e Fumagalli; Fabinho e Bruno Mendes (Bruno Peres)
Técnico: Osvaldo Alvarez

Palmeiras: Deola, Cicinho, Maurício Ramos, Henrique e Juninho; Márcio Araújo, Marcos Assunção, João Vitor (Valdívia) e Daniel Carvalho (Fernandão); Luan (Patrik) e Barcos.
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Sem surpresas: Palmeiras está fora

Por Eduardo Luiz  eduardoluiz@palmeirastododia.com

Com Luan de titular e Valdivia no banco, o Palmeiras iniciou o jogo tentando surpreender o Guarani. Logo no primeiro minuto Marcos Assunção arriscou de longe, por cima. A resposta dos mandantes veio em seguida, e com a principal arma deles, que foi fatal na primeira fase: bolas alçadas na área, mas Fabinho errou a cabeçada.

Jogando bem,  o Verdão voltou a levar perigo aos 11 minutos; João Vítor ganhou a bola na linha de fundo e cruzou, Barcos pegou a sobra do goleiro e finalizou, mas Domingos afastou. Aos 22 o Pirata recebeu passe de Cicinho e exigiu de Emerson uma boa defesa.

O gol do Palmeiras parecia mais próximo de sair. Aos 29 minutos Barcos ganhou de domingos, dividiu com outro defensor e a bola sobrou para Luan finalizar, mas outra vez o goleiro apareceu bem. A primeira investida do Guarani que realmente assustou Deola aconteceu apenas aos 33, num chute de Bruno que saiu à esquerda. No minuto seguinte o Verdão quase abriu o placar com Barcos, mas o camisa 29 escorou levantamento de Henrique por cima.

Nos minutos finais cada equipe ainda teve tempo de desperdiçar uma boa chance. O time de Felipão aos 41 com Daniel Carvalho, num chute colocado que Emerson segurou, e o Guarani aos 42 com Danilo Sacramento, após receber passe de Juninho.

No segundo tempo quem voltou querendo surpreender nos minutos iniciais foi o Guarani, mas eles conseguiram. Aos 5 minutos Fumagalli cobrou escanteio fechado, Deola não saiu e apenas viu a bola entrar: 1 a 0. A torcida Palmeirense ainda lamentava quando aos 7 minutos Oziel ganhou na corrida de seus marcadores para cruzar para Fabinho ampliar: 2 a 0.

Na saída de bola foi a vez do Verdão dar esperança à torcida. Luan fez bela jogada individual e bateu forte; Emerson não segurou e Marcos Assunção apareceu para conferir: 2 a 1. O gol, ao contrário do esperado, não fez o time de Felipão pressionar o Guarani. Apenas duas jogadas individuais de Luan, aos 20 e aos 23, levaram perigo, mas em ambas o camisa 11 errou o alvo.

Com o jogo praticamente controlado, o Guarani ainda teve tempo de ampliar o marcador nos acréscimos. Aos 46 Bruno cruzou rasteiro, Deola falhou bisonhamente e Fabinho aproveitou: 3 a 1. Em seguida Henrique ainda descontou, mas faltou tempo e futebol para uma reação: 3 a 2 e fim de Paulistão para o Verdão.

Quarta-feira (25/04) o Palmeiras enfrenta o Paraná às 21h50, na casa do adversário, pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.